Arraial do Cabo tem segundo caso de coronavírus, afirma Prefeitura - CMN - Campos Magazine News

News

terça-feira, 14 de abril de 2020

Arraial do Cabo tem segundo caso de coronavírus, afirma Prefeitura

A Prefeitura informou nesta terça-feira (14) que paciente é um idoso de 77 anos, que tem quadro clínico estável. Caso ainda não consta na lista do Governo do Estado.
A Prefeitura de Arraial do Cabo, na Região dos Lagos do Rio, confirmou nesta terça-feira (14) o segundo caso de coronavírus (Covid-19) na cidade. O dado ainda não consta na lista do Governo do Estado. Segundo a Secretaria de Saúde do município, o paciente é um idoso de 77 anos.

"Ele foi atendido no Hospital Geral de Arraial do Cabo, mas por ter apresentado sintomas leves foi encaminhado para isolamento domiciliar. O paciente está sendo acompanhado pela equipe de saúde e o estado clínico segue estável", diz a Prefeitura.

O primeiro caso de Covid-19 foi de uma idosa de 82 anos. Ela estava internada em um hospital particular na cidade de Cabo Frio mas não resistiu. O óbito por coronavírus ocorreu no dia 31 de março.

Dois casos que estavam sob investigação na última semana, de uma mulher de 49 anos e de um homem de 45 anos, segundo o município, foram descartados para coronavírus após resultado de exames pelo Lacen-RJ.

O município ainda aguarda resultado de exame de um outro caso sob investigação. Refere-se a uma mulher de 43 anos, que teve alta, e está em isolamento domiciliar com estado clínico estável.

"Os familiares dos pacientes foram orientados a fazer isolamento domiciliar. O procedimento está entre as medidas recomendadas pela OMS para pacientes que estão em bom estado clínico em que não há necessidade de internação. A recomendação é de que permaneçam em isolamento total em sua residência por 14 dias", alerta o governo municipal.

A Prefeitura de Arraial do Cabo reforça que todas as medidas adotadas devem ser cumpridas à risca a fim de evitar um surto da doença. A recomendação é para que as pessoas não saiam de casa sem extrema necessidade.

A Secretaria de Segurança Pública também pede que a população tenha consciência sobre a necessidade das barreiras sanitárias como medida preventiva e se mantenha nos limites da cidade, exceto situações inadiáveis.





G1 Região dos Lagos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário