Por coronavírus, Itália entrará em total isolamento, anuncia governo - CMN - Campos Magazine News

News

quarta-feira, 11 de março de 2020

Por coronavírus, Itália entrará em total isolamento, anuncia governo

Medida foi anunciada na segunda-feira (09) pelo primeiro-ministro, Giuseppe Conte, e afeta todos os 60 milhões de habitantes da Itália
Manuel Silvestri/Reuters
São Paulo – Um dos países mais afetados pela epidemia do coronavírus, a Itália entrará em uma situação de completo isolamento. O anúncio foi feito na tarde desta segunda-feira (09) pelo primeiro-ministro, Giuseppe Conte. Atrás da China, que registra mais de 80 mil casos, a Itália é o país que reúne o maior número de pessoas infectadas, quase 10 mil, e registra ao menos 463 mortos.

Os dados são do mapa da Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos, que monitora a epidemia em tempo real.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, reuniões públicas estão banidas e qualquer movimento pelo país está proibido, com exceção daqueles necessários para atendimentos médicos e emergências. A medida começou a vigorar nesta terça-feira (10).

A medida afeta todos os 60 milhões de habitantes do país. Eventos esportivos estão cancelados, cinemas e escolas estão fechados, assim como todos os eventos que exijam a reunião de pessoas, como casamentos e até funerais. Todas as escolas e universidades devem permanecer fechadas até pelo menos o dia 3 de abril.

A Itália está sendo duramente afetada pela epidemia da COVID-19, como ficou conhecida a doença causada pelo novo coronavírus. Na segunda, começou a quarentena de 16 milhões de pessoas, habitantes da Lombardia, região mais rica do país e a mais impactada.





Por Exame

Nenhum comentário:

Postar um comentário