Pode usar água? Saiba como limpar as lentes de contato com segurança - CMN - Campos Magazine News

News

quinta-feira, 28 de março de 2019

Pode usar água? Saiba como limpar as lentes de contato com segurança

Entenda também como higienizar o estojo de armazenamento e evitar rasgos e cortes nas lentes de contato
Divulgação
Higiene é sinônimo de segurança quando o assunto são lentes de contato - e começa antes mesmo de chegarmos aos olhos. A oftalmologista Helena Oliveira, responsável pelo setor de lentes de contato do Hospital de Olhos, esclarece:

"A primeira coisa a se observar antes de lidar com lentes de contato é a limpeza das unhas e das mãos. As unhas devem estar limpas e curtas, para evitar rasgos, cortes e contaminação. As mãos precisam ser lavadas com água e sabão e enxugadas com uma toalha não felpuda".

Ela detalha que unhas não higienizadas carregam sujeira e bactérias que podem ser transferidas para as lentes de contato e causar irritações e doenças nos olhos; compridas, têm mais chances de danificar o material das lentes.

Já as mãos devem estar livres de substâncias prejudiciais à saúde e fiapos de toalhas felpudas, que podem causar incômodo ao encostar nos olhos e nas lentes de contato. Após essa primeira etapa de limpeza, é hora de cuidar especificamente das lentes e do seu estojo de armazenamento.

Ritual de higiene de acordo com a frequência de descarte

Inicialmente é importante lembrar que, em termos de descarte, existem quatro tipos de lentes de contato gelatinosas: as de uso diário, quinzenal, mensal e anual. O procedimento completo de limpeza varia de acordo com essa característica.

As lentes de contato de descarte diário são as mais simples. Basta tirá-las da embalagem e colocá-las nos olhos. Não é necessário o uso de nenhum produto para enxágue e, no fim do dia, elas são jogadas no lixo?, explica a oftalmologista Sung Eun Song, do Fleury Medicina e Saúde. Ou seja, elas só requerem os cuidados de higiene explicados acima.

Já as de descarte quinzenal e mensal precisam de uma solução multipropósito de limpeza específica para lentes de contato gelatinosas e o devido armazenamento no estojo todos os dias.

Ao retirar cada lente de contato no final do dia, deve-se colocá-la na palma da mão, despejar um pouco da solução sobre ela e friccioná-la levemente com a ponta do dedo indicador. Isso remove resíduos de oleosidade, maquiagem, bactérias e proteínas que se acumulam ao longo do dia na lente, justifica Sung Eun Song.

Em seguida, a lente é colocada no estojo, onde ficará mergulhada na solução multipropósito por pelo menos seis horas. Na manhã seguinte, basta realizar um leve enxágue com a solução antes de colocá-la novamente no olho.

Por fim, as lentes de contato de descarte anual demandam os mesmos cuidados das quinzenais e mensais, com o acréscimo do uso de um produto desproteinizante para a remoção mais profunda das proteínas das lágrimas acumuladas com o passar dos dias. A frequência desta etapa extra deverá ser indicada pelo oftalmologista de acordo com o perfil do paciente.

Pode limpar as lentes de contato com água?

A resposta é não. Água de torneira, água filtrada, água fervida e água mineral não são adequadas para a limpeza das lentes de contato e podem causar problemas de saúde.

"Além de a água não ter as substâncias antibacterianas e desproteinizantes necessárias para a limpeza das lentes de contato, ela pode conter micro-organismos que podem causar problemas sérios nas córneas, como a acanthamoeba, um protozoário muito comum na água", afirma a oftalmologista Helena Oliveira.

A limpeza do estojo de armazenamento

O estojo que abriga as lentes de contato todas as noites também requer cuidados de higiene básicos, afinal, de pouco adianta limpar unhas, mãos e lentes se este acessório estiver sujo, representando um risco de contaminação.

A solução multipropósito em que as lentes ficaram mergulhadas à noite deve ser descartada todos os dias. Depois disso, o estojo deve ser enxugado com um pedaço de papel higiênico ou papel toalha e fechado. No lado externo, é aconselhável lavar o estojo uma vez por semana. "Ele acumula resíduos do ambiente, que podem contaminar as lentes de contato", diz Helena Oliveira.

Sua troca deve ser feita a cada três meses, no máximo. Para não esquecer de fazer essa alternação, o oftalmologista Sung Eun Song dá a dica: Sempre que for começar um frasco novo de solução multipropósito, coloque em utilização o estojo que vem com ela na caixa, orienta.

Delicadeza para evitar cortes e rasgos

Além das unhas curtas, a delicadeza no trato é importante para evitar rasgos e cortes nas lentes de contato. Uma fricção suave é suficiente para a limpeza de todas as noites.

Nesse sentido, também é interessante não coçar os olhos com lentes de contato nem usá-las além do prazo indicado para descarte. Segundo Helena Oliveira, lentes vencidas ficam sensíveis e rasgam com mais facilidade.

Lentes de descarte diário reduzem o risco de erros

Se você está pensando em usar lentes de contato mas teme que os cuidados gerais com elas sejam muito complicados, não há motivo para desanimar. Lembre-se que para as lentes de descarte diário só é preciso manter a higiene pessoal em dia, com unhas e mãos sempre limpas e toalhas adequadas. Com elas, os erros são evitados e a saúde dos seus olhos agradece.


Minha Saúde






*AS INFORMAÇÕES E SUGESTÕES CONTIDAS NESTE SITE TÊM CARÁTER MERAMENTE INFORMATIVO. ELAS NÃO SUBSTITUEM O ACONSELHAMENTO E ACOMPANHAMENTOS DE MÉDICOS, NUTRICIONISTAS, PSICÓLOGOS, PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA E OUTROS ESPECIALISTAS. NÃO DEIXE DE CONSULTAR SEU MÉDICO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tempo - Tutiempo.net