Transporte Coletivo Alimentador de Passageiros: licitação acontece na sexta (26) - CMN - Campos Magazine News

News

quarta-feira, 24 de abril de 2019

Transporte Coletivo Alimentador de Passageiros: licitação acontece na sexta (26)


Para participar do processo de licitação, é necessário ser pessoa física com experiência anterior no transporte de passageiros e será avaliada, ainda, a idade do veículo, entre outras exigências
Foto: Luís Macapá

Acontece na próxima sexta-feira (26), às 10h, na sede da Prefeitura de Campos, a licitação para o serviço de Transporte Coletivo Alimentador de Passageiros, que fará parte do novo Sistema Integrado de Transporte Coletivo da cidade.

Para participar do processo de licitação, é necessário ser pessoa física com experiência anterior no transporte de passageiros e será avaliada, ainda, a idade do veículo; presença de multas na Carteira Nacional de Habilitação (CNH); além da participação em cursos voltados ao aperfeiçoamento no transporte de passageiros.

O sistema será composto por linhas alimentadoras (vans e micros) e linhas troncais (ônibus). A proposta do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT), é integrar transporte alimentador de menor capacidade - como vans e micro-ônibus - aos ônibus, em todas as áreas distritais do município, levando até terminais próximos à área urbana.

Através do sistema tronco-alimentador, haverá seis terminais de integração, um para cada região do projeto, e todos os terminais contarão com fiscalização do IMTT. A ligação entre as linhas tronco (ônibus) e linhas alimentadoras (vans e micro-ônibus) será feita pelo cartão integração e não haverá custo adicional para o usuário.

- Estamos dando um passo extremamente importante para a reformulação de todo o sistema de transporte coletivo. O ano de 2019 será o ano da mudança positiva do sistema de transportes que, há décadas, é carente de um projeto que olhe o município como um todo. A licitação é o primeiro passo onde preencheremos, através dos permissionários individuais, as linhas alimentadoras que atenderão a toda área distrital, onde reside cerca de 30% da população que depende diariamente do transporte e que há muito tempo não tem um transporte de qualidade - enfatiza o presidente do IMTT, Felipe Quintanilha.


Supcom

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tempo - Tutiempo.net