Mãe aguarda ansiosa por reencontro com o filho de 2 anos levado pelo pai há 10 dias de Araruama - CMN - Campos Magazine News

News

terça-feira, 9 de abril de 2019

Mãe aguarda ansiosa por reencontro com o filho de 2 anos levado pelo pai há 10 dias de Araruama

Menino está em Guarulhos (SP) após a prisão do pai nesta segunda-feira (8). Ele levou a criança no dia 30 de março da casa da família em Araruama.
 Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Federal
O Conselho Tutelar em Araruama, na Região dos Lagos do Rio, está em contato nesta terça-feira (9) com o Conselho Tutelar de Guarulhos (SP) para definirem a entrega da criança de 2 anos à mãe, depois que o bebê, segundo a Polícia Civil, foi sequestrado pelo pai. O homem foi preso nesta segunda-feira (8) em São Paulo.

"Estamos decidindo como será feita a entrega. A mãe e a tia estão querendo ir até São Paulo buscar a criança, mas estamos vendo se tem a possibilidade de trazerem ele para cá", disse o Conselho Tutelar de Araruama.

A mãe da criança, Luana Couto, disse que ficou aliviada ao saber que o filho está bem e será entregue a ela, mas contou que está triste por ele estar sozinho. Ela informou também que ainda ainda não falou com o filho.

O pai do menino foi preso na rodovia Fernão Dias, em Atibaia (SP). Ele era procurado por extorsão mediante sequestro após raptar a criança em Araruama e impor, como condição à devolução da criança, a retirada de queixas contra ele na polícia. O pai estava morando com a criança de dois anos em um carro.

O homem levou o filho no dia 30 de março, depois que entrou na casa da ex-mulher quebrando a porta com um machado, agredindo a ex-sogra e ameaçando de morte a mãe da criança, segundo ela relatou à polícia e nas redes sociais.

O homem passou dez dias com a criança morando em um veículo, dormindo em postos em beira de estrada. Uma ligação feita por ele de um telefone público em Guarulhos (SP) para a ex-mulher ajudou a polícia a rastrear a localização aproximada dele no estado de São Paulo.

Na noite desta segunda-feira (8), ele enviou fotos do menino para a mãe como prova de que o menino estava bem. A imagem foi encaminhada pela Polícia Civil para a Polícia Rodoviária Federal, que reconheceu o local como sendo um posto de gasolina no km 28 da Fernão Dias. O homem foi preso em flagrante.

Ao ser abordado, ele apresentou um documento falso de guarda da criança e foi preso. A Justiça havia determinado a prisão dele pelo rapto do filho no dia 4 de abril e, desde então, ele era considerado foragido.

Em nota a Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que o homem foi detido em uma operação da Polícia Civil em Guarulhos com o apoio da PRF. Ele foi detido em cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedido pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

A criança foi encaminhada ao Conselho Tutelar para ser entregue à mãe. O pai foi encaminhado para a delegacia de Guarulhos e o caso foi registrado como captura de procurado pelo Núcleo de Roubo de Cargas.

A Polícia Civil do Rio de Janeiro informou que o homem será encaminhado ao sistema penitenciário e ficará à disposição da Justiça.



G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tempo - Tutiempo.net