Garça é encontrada suja e Praia do Forte é mais uma atingida por vazamento de óleo na Região dos Lagos - CMN - Campos Magazine News

News

quarta-feira, 10 de abril de 2019

Garça é encontrada suja e Praia do Forte é mais uma atingida por vazamento de óleo na Região dos Lagos

Poluição teve início na última quarta-feira (3) quando manchas surgiram no mar. Petrobras confirmou que substância é de operações petrolíferas da empresa.
Garça aparece suja de óleo em clube de Cabo Frio — Foto: Divulgação/Quessy Jotta
A moradora de Cabo Frio, na Região dos Lagos, Quessy Jotta, encontrou uma garça suja de óleo e aparentemente doente em um clube da cidade nesta quarta-feira (10). A prefeitura confirmou o surgimento de óleo na Praia do Forte.

Equipes da limpeza pública trabalharam durante duas horas na retirada do material das areias nesta manhã, mas logo depois as placas voltaram a aparecer, trazidas pela água. Por volta das 12h30 não havia equipe de nenhum órgão atuando no local.

O problema da poluição teve início na última quarta-feira (3) quando manchas de óleo preto e denso surgiram no mar de Arraial do Cabo, Armação dos Búzios e Cabo Frio.

A Petrobras confirmou que o óleo é de operações petrolíferas da empresa. O resultado das análises que podem apontar se o material é petróleo ainda não foi divulgado.

Segundo o coordenador de Meio Ambiente de Cabo Frio, Mario Flavio Moreira, as "pelotas" de óleo vieram com a maré e ainda são provenientes do vazamento do Campo de Marlim leste, na Bacia de Campos.

A confirmação de mais uma praia atingida pela substância preocupa a moradora Quessy Jotta, que também lamenta pela ave encontrada debilitada.

"Ela não está aguentando em pé, não tem condições de andar", diz Quessy, que afirma gostar muito dos animais e lembra que no dia anterior fez belas imagens da espécie na mesma praia que agora está suja.

A Petrobras informou que a garça foi resgatada e encaminhada ao Centro de Reabilitação Animal de Araruama, o CTA Meio Ambiente, para avaliação veterinária e tratamento. O órgão realiza o resgate e recuperação da fauna marinha impactada pela ação da exploração petrolífera na Bacia de Campos.

"Esses aparecimentos pontuais de 'pelotas' nas praias do município devem continuar por algum tempo, até que todo o óleo que vazou tenha se dispersado", acrescenta Mario Flavio Moreira.

Os locais que já tinham sido atingidos são a Prainha e as Prainhas do pontal do Atalaia, em Arraial do Cabo; a Praia Brava, em Búzios; e a Praia do Peró, em Cabo Frio. Eles foram limpos e estão liberados para o banho.

Um barril de óleo com identificação da Petrobras foi encontrado nesta quinta na Praia do Foguete, em Cabo Frio. Segundo Secretaria do Meio Ambiente de Cabo Frio, o recipiente vazio estava enferrujado e foi recolhido pela Petrobras e pelo Inea na sexta-feira (5). Ainda não há informações se o barril tem relação com as praias sujas de óleo.


G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tempo - Tutiempo.net