Caso Whindersson: é importante prestar atenção à tristeza dos outros (e à nossa) - CMN - Campos Magazine News

News

terça-feira, 23 de abril de 2019

Caso Whindersson: é importante prestar atenção à tristeza dos outros (e à nossa)

O humorista e youtuber Whindersson Nunes publicou em sua conta do Twitter um extenso relato sobre seus sentimentos. Em uma sequência de posts ele disse que nos últimos tempos vem se sentindo angustiado e triste.

Além disso, Whindersson também comentou que, apesar de não sentir tanta vontade de viver, nunca pensou em tirar a própria vida, mas que precisa de ajuda médica.
Divulgação
A coragem de pedir ajuda

Uma das condições de saúde que mais está atrelada à tristeza é a depressão. Essa doença é um distúrbio que gera uma melancolia profunda, perda de interesse generalizado, falta de ânimo, de apetite, ausência de prazer e oscilações de humor que podem acabar em pensamentos suicidas. Por isso, a depressão precisa de um acompanhamento médico, tanto para o diagnóstico quanto para o tratamento adequado.

A depressão atinge mais de 300 milhões de pessoas de todas as idades no mundo, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). No Brasil, a estimativa é que 5,8% da população seja afetada pela doença.

Não há como saber se o quadro do humorista Whindersson Nunes é uma depressão, mas o fato de ele ter vindo a público dividir o que está sentindo e pedir ajuda é um sinal de que algo está em desequilíbrio e precisa ser acompanhado de perto.

Às vezes a cabeça dá uma "pifada"... e tudo bem

Nosso cérebro é composto de neurotransmissores responsáveis por garantir uma sensação de bem-estar. Os neurotransmissores são moléculas que fazem a comunicação entre os neurônios. Um deles, a serotonina, está diretamente relacionado ao humor.

Existem momentos em que essas substâncias enfrentam baixas temporárias, por exemplo, em momentos tristeza. No entanto, pode acontecer de esses recursos estarem em baixa ou não se comunicarem de forma adequada, é o que acontece com as pessoas no momento da depressão.

Estudos indicam que podem haver uma predisposição genética para a depressão. Porém, é de grande importância dizer que qualquer pessoa pode desenvolver esse tipo de condição de saúde. Para se ter uma ideia, a prevalência (número de casos numa população) da depressão é estimada em 19%, o que significa que aproximadamente uma em cada cinco pessoas no mundo apresenta o problema em algum momento da vida.

O mais importante é ter em mente que a depressão não tem rosto, ela pode se manifestar tanto em uma pessoa que evidencia os sintomas de forma clara quanto em pessoas que estão sempre sorrindo e aparentemente não têm problemas.

O cérebro é um órgão como qualquer outro, e que pode apresentar disfunções. A depressão é um estado de falta de energia que pode ser inclusive devido a falha em outros órgãos ou setores do corpo e que não tem nada a ver diretamente com falha de personalidade, fragilidade, religiosidade e outros fatores culturais.

Como pedir ajuda

O humorista Whindersson Nunes usou sua conta do Twitter para expor que precisava de ajuda e recebeu inúmeros comentários acolhedores. Assim como ele, qualquer pessoa que esteja se sentindo triste ou sem vontade de viver também pode pedir ajuda e acreditar que as coisas podem melhorar.

Entre em contato com o Centro de Valorização da Vida - CVV (188)

Quem está sentindo uma tristeza que não consegue lidar saiba que falar com alguém possibilita receber acolhimento e orientação. Um local onde é possível receber ajuda é o Centro de Valorização à Vida. O Centro de Valorização da Vida (CVV) é uma associação que tem como objetivo prevenir o suicídio. Ela disponibiliza alguns canais para que uma pessoa que esteja sentindo a angústia existencial possa conversar com voluntários. O número de telefone 188 é um destes canais, e ele aceita ligações gratuitas vindas de todo o país, após uma parceria com o Ministério da Saúde.

Além do telefone, o CVV disponibiliza um chat, um e-mail e postos pelo país para que as pessoas obtenham apoio emocional.

Recorra à psicoterapia

A psicoterapia é um tratamento colaborativo, onde paciente e psicólogo trabalham juntos para resolver as questões desejadas. Uma das principais ferramentas utilizadas na psicoterapia é a fala, pois é através dela que o paciente poderá expressar todos seus pensamentos em consultório. O ambiente da terapia é acolhedor, e a postura do especialista que irá te atender deve ser objetiva, neutra e sem julgamentos.

Com a ajuda do psicólogo, é possível identificar as causas e os padrões comportamentais que possam estar lhe impedindo de ter uma vida mais feliz. A psicoterapia ilustra de maneira clara, os pontos que necessitam de atenção e reparo em nosso cotidiano, para que possamos atingir um estado de satisfação emocional.

Onde encontrar atendimento psicológico

Existem Centros de Atenção Psicossocial (Caps) em diversas cidades do Brasil. Esses locais oferecem tratamento interdisciplinar a pessoas com sofrimento ou transtorno mental, incluindo pacientes com condições de saúde relacionadas ao álcool e uso de drogas.

Também é possível encontrar atendimento nas Unidades Básicas de Saúde ou Postos de Saúde da sua cidade.


Minha Vida

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tempo - Tutiempo.net