Renda Emergencial da Cultura sobe para cinco parcelas de R$ 600 - CMN - Campos Magazine News

News

terça-feira, 27 de outubro de 2020

Renda Emergencial da Cultura sobe para cinco parcelas de R$ 600

 O benefício será destinado a profissionais dos setores afetados pela pandemia

O Governo do Estado do Rio vai pagar a renda emergencial aos profissionais da cultura com recursos da Lei Aldir Blanc em cinco parcelas, e não apenas nas três inicialmente previstas. Os beneficiários receberão no total R$ 3 mil (cinco parcelas de R$ 600) e R$ 6 mil (cinco parcelas de R$ 1.200), no caso de mãe monoparental.


O pagamento do benefício será feito em duas parcelas no mês de novembro e três em dezembro. O aumento no número de parcelas foi possível graças a um ajuste orçamentário feito pela Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio (Sececrj), em parceria com o governo federal.


A secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio, Danielle Barros, explica que foi realizada uma mobilização para que todos os profissionais que se enquadrassem nos pré-requisitos da renda emergencial tivessem acesso ao benefício.











Expresso Campista

Nenhum comentário:

Postar um comentário