Linda Mara se entrega na Delegacia da Polícia Federal em Campos - CMN - Campos Magazine News

News

segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

Linda Mara se entrega na Delegacia da Polícia Federal em Campos

Ela estava sendo procurada há 90 dias, acusada de troca de votos por Cheque Cidadão
Foto: Reprodução
A vereadora afastada Linda Mara Silva (PTC), foragida por mais de 90 dias, se entregou neste domingo (12) na sede da Delegacia da Polícia Federal, em Campos. A informação foi confirmada pelo delegado Paulo Cassiano. 

Por volta das 16h40, ela saiu da PF, em um carro do órgão, para a realização do exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML). Em seguida, Linda Mara foi conduzida ao presídio feminino Nilza da Silva Santos, onde chegou às 17h e ficará presa. Condenada a cinco anos e quatro meses de prisão no regime semiaberto por participação no que o Ministério Público chamou de “escandaloso esquema” de troca de votos por Cheque Cidadão na última eleição municipal, ela estava sendo procurada pela PF desde o dia 8 de outubro depois que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) expediu mandados de prisão contra ela, Thiago Virgílio (PTC) e Kellinho (Pros) após o trânsito e julgado.
Linda Mara chega ao presídio feminino | Reprodução

Todos os condenados criminalmente na operação Chequinho conseguiram habeas corpus com Ricardo Lewandowski para recorrerem em liberdade até o final dos respectivos processos. No entanto, neste meio tempo entre os recursos no TRE, o presidente da Corte Regional considerou que houve trânsito em julgado e mandou executar as penas de Virgílio, Kellinho e Linda, enquanto a defesa de Rangel ainda recorre no TSE.


Os outros dois também chegaram a ser considerados foragidos, mas já estão cumprindo a pena no presídio Carlos Tinoco da Fonseca, em Campos. Kellinho se entregou à Polícia Federal no último dia 31 de outubro, enquanto Virgílio foi capturado pela Polícia Militar em sua própria casa no dia 3 de novembro.



Fonte: Folha 1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tempo - Tutiempo.net