Caixa Tem apresenta instabilidade para auxílio emergencial e FGTS mais uma vez - CMN - Campos Magazine News

News

sexta-feira, 3 de julho de 2020

Caixa Tem apresenta instabilidade para auxílio emergencial e FGTS mais uma vez

Essa não foi a primeira vez em que usuários reclamam do Caixa Tem essa semana
Nesta quinta-feira, 2 de julho, quem tentou usar o aplicativo Caixa Tem alegou nas redes sociais instabilidade mais uma vez. Os usuários utilizaram as redes sociais para apontar falhas no aplicativo, que está sendo utilizado por beneficiários para ter acesso a recursos , como do auxílio emergencial de R$ 600 e FGTS.

Nas redes sociais, a hashtag #CaixaTemNAOFUNCIONA está sendo utilizada para as alegações. Internautas reclamam da fila de espera para entrar no aplicativo e até de “sumiço” de contas. A Caixa enviou nota ao portal G1 afirmando que todos estão “conseguindo concluir as operações, apesar das intermitências”.

Ainda de acordo com o banco, o aplicativo pode apresentar “intermitência momentânea”. O banco explicou que na primeira semana de julho acontece processamento de fechamento e início do mês, lançamento do dinheiro de benefícios emergenciais e folhas de pagamento do mês, tudo ao mesmo tempo.

Essa não é a primeira vez que o aplicativo Caixa Tem aparece entre os assuntos mais comentados das redes sociais. No início da semana, quando foi liberado dinheiro para o primeiro grupo do saque emergencial do FGTS, o aplicativo também foi um dos assuntos mais comentados. O crédito de mais de R$ 3,1 bilhões foi pago para 4,9 milhões de trabalhadores que nasceram em janeiro.

Acontece que desde sábado (27), e até 4 de julho, novas parcelas do Auxílio Emergencial estão sendo depositadas nas contas da poupança social digital, acessada pelo Caixa TEM, para os três lotes de inscritos no programa. Nesta quinta-feira (2), mais 6,8 milhões de trabalhadores recebem o benefício.

Na segunda, a Caixa disse, em nota ao G1, que o app apresentou "intermitências pontuais" na funcionalidade de pagamento de boletos, devido ao alto volume de solicitações. "Todavia, os usuários puderam concluir as operações em novas tentativas ao longo do dia com a normalização do volume."

A reportagem do G1 constatou que as reclamações diminuíram naquela tarde, mas voltaram a acontecer nesta quarta-feira. Veja abaixo alguns dos relatos.











G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário