A primeira chuva de meteoros do ano acontece nesta madrugada - CMN - Campos Magazine News

News

quinta-feira, 2 de janeiro de 2020

A primeira chuva de meteoros do ano acontece nesta madrugada

Reprodução
A primeira grande chuva de meteoros de 2020 está prestes a começar. A chuva de meteoros Quadrântidas deve atingir o pico nas primeiras horas de sexta-feira, 3 de janeiro, até o amanhecer de sábado, 4 de janeiro, de acordo com a Organização Internacional de Meteoros (IMO).

A chuva Quadrântidas é curta, mas incrível. No seu auge, entre 60 e 200 meteoros podem ser vistos a cada hora, se as condições climáticas estiverem a seu favor.

O fenômeno têm o potencial de ser a chuva mais forte do ano, famosa por seus meteoros especialmente longos e brilhantes. Apesar disso, visualizá-los pode ser um pouco complicado. Eles costumam ter uma pequena explosão de atividade, com cerca de 6 horas ou mais.

As Quadrântidas são melhor visualizadas no Hemisfério Norte, embora o evento também possa ser visto em alguns locais no sul próximo ao amanhecer. Os meteoros irradiarão na direção Leste próximo ao amanhecer, mas não se preocupe muito com isso, pois são visíveis em todas as partes do céu.

A fonte dos meteoros é um asteroide ou um possível “cometa rochoso” chamado 2003 EH1, que atravessa nosso sistema solar a 41 quilômetros por segundo. Meteoros são pedaços de detritos que se desprendem desses corpos celestes. Quando atingem a atmosfera superior da Terra em alta velocidade, queimam e liberam uma faixa brilhante que aparece no céu.

O nome da chuva de meteoros vem de Quadrans Muralis, uma antiga constelação criada em 1795 pelo astrônomo francês Jérôme Lalande. Infelizmente, agora é considerada uma constelação obsoleta, pois não foi incluída na lista da União Astronômica Internacional de 88 constelações modernas.

Ao contrário de outros fenômenos astronômicos, usar um binóculos ou telescópio não é necessário. O campo de visão fechado desses equipamentos não permitirá ver uma boa porção do céu, o que é crucial para visualizar meteoros. A única coisa que é essencial é ter um céu minimamente estrelado.

Como em qualquer chuva de meteoros, tente se afastar o máximo possível do poluição luminosa das lâmpadas e de outras fontes de luz, pois isso ajudará os meteoros a aparecerem mais brilhantes no céu.




Mistérios do Espaço

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tempo - Tutiempo.net