Servidores de Campos, entram em greve e protestam no Centro - CMN - Campos Magazine News

News

quarta-feira, 15 de maio de 2019

Servidores de Campos, entram em greve e protestam no Centro

Manifestação no calçadão do Centro da cidade é por aumento de 12%.
Foto: Letícia Antunes/Inter TV
Os servidores públicos de Campos dos Goytacazes, entraram em greve nesta quarta-feira (15) e realizaram um protesto no calçadão do Centro da cidade.

As categorias querem 12% de aumento e tinham dado prazo até esta terça-feira (14) para que a Prefeitura se posicionasse. Não houve acordo.

Segundo a presidente da Associação dos Servidores Públicos Municipais, Elaine Leão, os atendimentos nas emergências dos hospitais da cidade não estão prejudicados. Não há informações sobre a adesão de cada categoria.

De acordo com a Guarda Civil Municipal (GCM), os servidores também querem um reajuste do auxílio alimentação de 200 reais para 350 reais.

Segundo a coordenadora geral do Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe), Odisseia Carvalho, a greve é por causa da situação dos servidores municipais e também por adesão ao movimento nacional da educação.

O Sindicato dos Professores e Servidores Públicos Municipais (Siprosep) montou equipes para avisar aos núcleos que estarão em greve geral.

Segundo a Prefeitura, a secretaria de Gestão Pública recebeu mais uma vez representantes das categorias dos servidores municipais na sexta-feira (10), onde foi esclarecida a base de cálculos de reajuste proposto pelo município.

Na ocasião, foi apresentada oficialmente a proposta por parte dos representantes dos servidores, que será analisada pelo corpo técnico da Prefeitura.

Ainda de acordo com o município, o Prefeito Rafael Diniz (PPS), secretaria de Gestão Pública e demais órgãos permanecem abertos ao diálogo.

A manifestação contou com a presença de alunos da Universidade Federal Fluminense (UFF), Instituto Federal Fluminense (IFF) e a Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), que apoiam a paralisação dos servidores municipais e também fizeram protesto na manhã desta quarta.



G1 Norte Fluminense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tempo - Tutiempo.net